Traduzir

Pesquisar

domingo, 30 de setembro de 2012

O Adeus a Hebe Camargo

Por: Riselda Morais

O Brasil se despediu neste domingo, (30/09) da Rainha da Televisão brasileira, Hebe Camargo. Hebe foi um marco na televisão brasileira, esbanjando alegria e auto astral, em todas as suas apresentações, consagrou o selinho como sua marca registrada, ninguém passou pelo seu palco ou pelo seu sofá sem levar consigo a marca da Hebe: “um selinho”.Para o público que a recebeu em casa, através da televisão, o que mais marcou na Hebe foi sua personalidade espontânea, assim como ela sorria gostosamente, também dava seus recados como cidadã, sem meias palavras ou meias verdades, vezes com seus elogios, vezes com revoltas ou indignações.A historia de sucesso da Hebe antecede a da TV brasileira. Hebe Maria Monteiro de Camargo Rabagnani,nasceu em Taubaté, em 08 de março de 1929, iniciou sua carreira como cantora, com sua irmã, formou a dupla caipira “Rosalinda e Florisbela”, também cantou sambas e boleros em boates, trabalhou em rádios e participou do grupo que foi com Assis Chateaubriand ao porto de Santos, em 1950, buscar os equipamentos que deram início a TV Tupi, primeira televisão brasileira.Sua primeira aparição na TV foi ao lado de Ivon Curi, cantando “Noite de Luar”.  Desde então, Hebe tornou-se um ícone da TV brasileira e consagrou-se como apresentadora, tendo como marca registrada a alegria e os selinhos.Desde 2010, Hebe lutava contra um câncer no peritônio, órgão que reveste e protege o sistema digestivo, faleceu vitima de parada cardíaca, na madrugada deste sábado (29/09), em sua casa no bairro do Morumbi. Parentes, amigos, políticos e fãs participaram do velório realizado no Salão Nobre do Palácio dos Bandeirantes, o enterro foi realizado as 10h30 no cemitério Gethsemani, no Morumbi, acompanhado de uma multidão de fãs.Hebe teve uma vida cheia de alegria e de sucesso profissional e a exemplo de tudo que ela sempre transmitiu, “não choro sua morte, mas agradeço a sua existência e a alegria que nos ofereceu, por isto retribuo, lembrando-a com alegria
Hebe, uma historia de sucesso:
Televisão
2012 - Recontratada pelo SBT, mas não teve tempo de voltar a TV.
2011 -  Hebe - RedeTV!
2009 - Elas Cantam Roberto - TV Globo
2007 - Amigas e Rivais - SBT
2005 - Fora do Ar - SBT
2003 - Romeu e Julieta Versão 3 - SBT
2002 - SBT Palace Hotel - SBT
2000 - TV Ano 50 - TV Globo
1998 - Teleton - SBT
1995 - Escolinha do Golias - SBT
1990 - Romeu e Julieta Versão 2 - SBT
1986 a 2010 - Hebe - SBT
1979 a 1985 - Hebe - Band
1980 - Cavalo Amarelo - Band
1978 - O Profeta - TV Tupi
1970 - As Pupilas do Senhor Reitor - TV Record
1968 - Romeu e Julieta Versão 1 - TV Record
1957 - Hebe Comanda o Espetáculo - TV Record (em 1960 TV Continental, no Rio)
1955 - O Mundo é das Mulheres - TV Record
1950 - TV na Taba - TV Tupi
Cinema
2009 - Xuxa e o Mistério de Feiurinha
2005 - Coisa de Mulher
2000 - Dinossauro (dublagem da personagem Baylene em português)
1960 - Zé do Periquito
1951 - Liana, a Pecadora
1949 - Quase no Céu 
 Música
Hebe Mulher (2010)
As Mais Gostosas Da Hebe (2007)
Como É Grande o Meu Amor Por Vocês (2001)
Pra Você (1998)
Maiores Sucessos (1995)
Hebe Camargo (1966)
Festa de Ritmos (1961)
Hebe e Vocês (1959)


quarta-feira, 26 de setembro de 2012

Fundação Pró-Sangue convoca doadores, estoque em patamar de emergência



Riselda Morais durante doação de sangue


O estoque de bolsas de sangue do tipo O negativo da Fundação Pró-Sangue está em patamar de emergência. De acordo com a entidade, o total de doação no mês de setembro fechará com um índice de 28% menor do que o patamar ideal para abastecer com conforto os 128 hospitais da rede pública da região metropolitana de São Paulo
Requisitos básicos:
- Estar em boas condições de saúde;
- Ter entre 16 e 67 anos, desde que a primeira doação tenha sido feita até 60 anos;
- Pesar no mínimo 50kg; - Estar descansado (ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas; - Estar alimentado (evitar alimentação gordurosa nas 4 horas que antecedem a doação);
- Apresentar documento original com foto emitido por órgão oficial.
Impedimentos temporários:
- Resfriado: aguardar 7 dias após desaparecimento dos sintomas;
- Gravidez: 90 dias após parto normal e 180 dias após cesariana;
- Amamentação (se o parto ocorreu há menos de 12 meses);
- Ingestão de bebida alcoólica nas 12 horas que antecedem a doação;
- Tatuagem nos últimos 12 meses;
- Situações nas quais há maior risco de adquirir doenças sexualmente transmissíveis: aguardar 12 meses; - Acre, Amapá, Amazonas, Rondônia, Roraima, Maranhão, Mato Grosso, Pará e Tocantins são estados onde há alta prevalência de malária. Quem esteve nesses estados deve aguardar 12 meses.
Impedimentos definitivos
- Hepatite após os 11 anos de idade; - Evidência clínica ou laboratorial das seguintes doenças infecciosas transmissíveis pelo sangue: Hepatites B e C, AIDS (vírus HIV), doenças associadas aos vírus HTLV I e II e Doença de Chagas; - Uso de drogas ilícitas injetáveis; - Malária.
Respeitar os intervalos para doação: Homens 60 dias: até 4 doações por ano; Mulheres 90 dias: até 3 doações por ano. Para obter mais informações sobre como doar, ligue para o Alô Pró-Sangue 0800 55 03000
Curiosidades sobre sangue e transfusão
1. Quatro é o número de vidas que podem ser salvas com cada doação de sangue.
2. O sangue representa cerca de 7% do peso corporal de um indivíduo adulto.
3. Qualquer pessoa com boa saúde, entre 16 e 67 anos de idade e com mais de 50 kg de peso, pode ser doadora de sangue.
4. O volume total de sangue a ser doado não pode exceder 8 ml / kg de peso para as mulheres e 9 ml / kg de peso para os homens. O volume máximo admitido para uma doação é de 450 ml ± 50 ml, aos quais podem ser acrescidos até 30 ml para realização dos exames laboratoriais exigidos pelas leis e normas técnicas.
5. A doação de sangue não engrossa nem afina o sangue.
6. Doando sangue você não ganha nem perde peso.
7. Mulheres podem doar sangue mesmo no período menstrual.
8. A doação de sangue não oferece ao doador nenhum risco de contrair doenças infecciosas. Portanto, você não corre risco de contrair AIDS ou Hepatite com a doação de sangue.
9. Cinco são as etapas para uma doação de sangue: cadastro (ou registro) do doador, triagem clínica (inclui teste de anemia, verificação da pressão arterial, batimentos cardíacos, peso, temperatura e questionário sobre sua saúde), voto de auto-exclusão, doação propriamente dita e lanche pós- doação.
10. Todo o processo de doação de sangue dura cerca de uma hora.
11. O sangue doado é testado para seis doenças infecciosas transmissíveis pelo sangue: Hepatite B, Hepatite C, HIV, HTLV, Sífilis e doença de Chagas.
12. Plasma é a parte líquida do sangue e corresponde a cerca de 55% do seu volume. Os outros 45% do volume do sangue são representados pelas células: glóbulos vermelhos, plaquetas e glóbulos brancos.
13. Glóbulos vermelhos ou hemácias são células que têm a função de transportar oxigênio dos pulmões para os tecidos e gás carbônico dos tecidos para os pulmões. São essas células que dão a cor vermelha ao sangue.
14. Plaquetas são pequenos fragmentos celulares cuja função é ajudar na coagulação do sangue, evitando sangramento em excesso.
15. Glóbulos brancos ou leucócitos são células responsáveis pela defesa do organismo contra infecções.
16. Todas as células do sangue são produzidas na medula dos ossos, principalmente nos ossos chatos.
17. Uma unidade de sangue total doado pode ser fracionada em concentrado de hemácias, plasma, concentrado de plaquetas e crioprecipitado.
18. A validade de um concentrado de hemácias varia de 35 a 42 dias.
19. A validade de um concentrado de plaquetas é de apenas 5 dias.
20. A validade de uma unidade de plasma varia de 1 a 5 anos.
21. Aférese é um tipo especial de doação que permite a coleta de apenas um componente do sangue.
22. Pela técnica de aférese é possível doar separadamente plasma, plaquetas, leucócitos ou hemácias.
23. Mulheres representam menos de 40% dos doadores de sangue no Brasil.
24. De cada 10 candidatos à doação de sangue que comparecem na Fundação Pró-Sangue, 8 estão aptos para doar e dois estão temporária ou definitivamente inaptos para doar.
25. Anemia é a principal causa de inaptidão à doação de sangue na Fundação Pró-Sangue.
26. Para o homem, após uma doação de 450 ml de sangue o plasma é reposto em 48 a 72 horas, os glóbulos vermelhos em aproximadamente 4 semanas e o estoque de ferro em aproximadamente 8 semanas.
27. Para a mulher, após uma doação de 450 ml de sangue: o plasma é reposto em 48 a 72 horas, os glóbulos vermelhos em aproximadamente 4 semanas e o estoque de ferro em aproximadamente 12 semanas.
28. Ainda não há nenhum substituto para o sangue humano.

terça-feira, 25 de setembro de 2012

Eleições: como escolher bem seu candidato

Riselda Morais


A hora de mudar é agora, na tomada de decisão.  Sempre há alguém reclamando do mal atendimento nos  hospitais públicos, falta de qualidade na educação, falta de creches,  falta de qualidade no transporte público, leis falhas,  entre outras, enquanto há políticos envolvidos  em escândalos,  com corrupção, causando grande prejuízo para a sociedade e para os cofres públicos. Há  quem acredite que votar em branco ou nulo é a melhor forma de mudar este quadro na política brasileira, mas não concordo. O eleitor  pode anular seu voto,  tem direito a fazê-lo, mas ao votar nulo  estará apenas protestando contra o sistemas eleitoral, partidário, contra  as instituições e se votar branco estará mostrando ao sistema que está infeliz com as opções apresentadas pelos partidos, mas, não estará lutando para mudar nada e nem entregando o poder em mãos que acredite poder melhorar o sistema político, tão pouco, o sistema de saúde, educacional, de transporte e moradia.
Ao escolher um candidato conscientemente, o eleitor está escolhendo um procurador, em seu nome, para exercer um mandato, logo deve escolher um que esteja sintonizado com seus pensamentos, idéias e valores, alguém  que conheça as necessidades da comunidade, possa administrar com seriedade, dedicação e depois preste contas de seu trabalho.
Esperamos do candidato em quem votamos, capacidade administrativa, conhecimento de assuntos da cidade, capacidade de criar boas leis, liderança política, tomada de decisão e principalmente fidelidade ao seu povo, que poderá ser percebida em seu programa de governo.  
No dia 07 de outubro, das 8 hs as 17 hs, estaremos escolhendo os candidatos a vereadores e o prefeito que comandará a cidade por 4 anos, precisamos escolher pessoas com uma vida política sadia, honesta, transparente, sem manchas, porque é o poder municipal que está mais próximo do povo e que o atinge mais diretamente.  É importante, antes de escolher o candidato, conhecer sua história, seu passado, pesquisar na internet, com amigos e principalmente lembrar se é corrupto, se responde a processos por improbidade administrativa; observar se fala mentiras durante a campanha; observar as promessas se são possíveis de ser  cumpridas; observar seu posicionamento durante exercício em cargo eletivo (prefeito, vereador, deputado, senador); observar se o candidato expõe seu plano de governo ou usa seu tempo para atacar o adversário político, este comportamento mostra falta de respeito com o eleitor, que não está interessado em ataques e sim, em propostas governamentais e que o tal candidato, ataca para esconder os próprios defeitos;  se para prefeito é importante conhecer o  candidato a vice prefeito, pois  estará elegendo-o solidariamente, ele poderá assumir como prefeito; não se influenciar por pesquisas,  seu voto tem o poder de mudar posições;  jamais vote em alguém que tente comprar seu voto, ou queira-o em troca de favores, isto mostra desonestidade, é crime; não dê seu voto a candidato que emporcalha a cidade com papéis.  
Valorize seu voto, escolha o candidato que sai em defesa dos menos favorecidos, seu voto tem o poder de mudar tudo que lhe deixa insatisfeito e de fazer com que seu dinheiro, os impostos que você paga, volte em forma de bons serviços, bons hospitais, boas escolas, creches, transporte público de qualidade, entre outros benefícios. 
Fiscalize o mandato de seu candidato, cobre ações, não seja conivente com atos ilícitos, não reeleja candidatos ruins.
Agora é a hora de você   observar se há crianças submetidas a miséria, subnutridas, fome, injusta distribuição da riqueza, salários não pagos, crianças abandonadas e prostituídas, drogas, professores mal pagos, hospitais ruins, má qualidade no transporte. 
Eleja representantes com formação moral que defendam os direitos do cidadão, façam valer os impostos pagos e não implantem a cultura da riqueza ilícita a custa da miséria do povo.

POESIA

O Candidato e o Eleitor - Riselda Morais

Na política brasileira
Tem acontecido de tudo
O candidato que fala asneira
Ouço, mas não me iludo

Se o político fizesse
Tudo que tem prometido
O povo se uniria em prece
Estaria agradecido

O eleitor está cansado
De tantas falsas promessas
Traído e enganado
Por mentiras tão diversas

Não me iludo candidato
Por que voto com consciência
Do contrário pago o pato
Por não votar com decência

Sua decência é encontrada
Em intenções e projetos
mas não venha com promessas
Apenas torne-os concretos

Não prometa candidato
O que não pode cumprir
Ou não passará de um rato
Vai ganhar e vai sumir

Siga os seus ideais
E encontre a solução
Para os problemas reais
Que atinge a população

Votar é um dever
Direito do cidadão
Que poderá eleger
Com o poder que tem à mão

O poder vem emanar
Através da eleição
Não tente se isentar
Chega de enganação
 

Seja um bom representante
Tenha garra e honestidade
Trave uma luta constante
Em favor desta cidade!

segunda-feira, 24 de setembro de 2012

Campanha “Parada - Um Pacto pela Vida” visa reduzir em 50% o número de mortes no trânsito


Por: Riselda Morais

Emerson Fittipaldi e  o Ministro das Cidades Aguinaldo Ribeiro 


     O lançamento da Campanha “Parada - Um Pacto pela Vida“ é uma das ações da Semana Nacional de Transito que vai de 18 a 25  de setembro e visa diminuir em 50% os acidentes de trânsito  nas ruas e estradas de todo o País que chegam a provocar 42 mil mortes por ano.
O lançamento  da Campanha, que faz parte do Pacto Nacional pela Redução de Acidentes, foi feito dia 13 pelo Governo Federal com ministro das Cidades, Aguinaldo Ribeiro e o bicampeão brasileiro de Formula 1, Emerson Fittipaldi, no autódromo de Interlagos, na capital paulista, durante os treinos da prova internacional World Endurance Championship – 6 Horas de São Paulo. 
“A partir de agora, convocamos a sociedade brasileira para reduzir os acidentes nas ruas e nas estradas. Por meio da iniciativa, pretendemos sensibilizar a sociedade como um todo”, ressaltou Aguinaldo Ribeiro.
Emerson Fittipaldi também acredita na conscientização dos motoristas sobre os riscos de acidentes e sobre a necessidade de uma direção segura para diminuir o número de acidentes: “Com essas mensagens vamos criar um impacto no povo brasileiro. É um ato muito importante. Hoje são 3,5 milhões de carros a mais transitando no país, por ano”, declarou.
Segundo Aguinaldo Ribeiro a campanha pretende, acima de tudo, mudar a cultura e os hábitos do motorista, fazendo com que aqueles que dirigem um carro na cidade ou na estrada entendam que é importante não beber e não correr. “Nós começamos agora e vamos ter uma série de trabalhos não só chamando para conscientização, como na educação”, ressaltou. 
A redução de 50% nos óbitos decorrentes de acidentes de trânsito, já é parte do comprometimento do Brasil com a “Década de Ações para a Segurança no Transito“, (2011 a 2020), firmado com a ONU em 2009, quando registrou 1,3 milhões de mortes no trânsito de 178 países. 
Na  capital paulista estão  previstas mais de 70 ações que serão promovidas pela Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Regional, através do Detran-SP.  Durante a abertura da Semana Nacional do Transito, o Governador Geraldo Alckmin anunciou o investimento de R$ 85 milhões em educação para o transito no Estado de São Paulo: “esse trabalho inclui pesquisa junto com a Fapesp, incluiu educação para o trânsito, inclui conscientização desde criança, inclui o Comitê Paulista reunindo onze secretarias de Estado para esse trabalho”, declarou Alckmin e afirmou que nas rodovias paulistas foram reduzidas 52% das mortes e grande parte dos acidentes estão nas áreas urbanas onde há uma maior concentração de pessoas. 
Em Brasília, está sendo realizada a 16ª edição Check-up  de Motos. Os motociclistas que visitarem terão 21 itens do seu veículo analisados, como a parte elétrica, níveis de folga nos pedais, e desgaste dos pneus, que passarão pelo crivo de especialistas. Enquanto é feita a revisão, os motociclistas assistem a vídeos de educação no trânsito, saboreiam lanches, ganham brindes (troca de óleo e um kit da Abraciclo) e participam de sorteios de capacetes, pneus, kit de transmissão, mochilas, capa de chuva, jaquetas de marca, dentre outros. 
Para o visitante não sair apenas com o aprendizado teórico, um simulador coloca o motociclista em situações repentinas no trânsito: uma criança que atravessa a rua em busca de uma bola, um pedestre na faixa, a porta do carro que é aberta em momento inadequado.
A Campanha Nacional “Parada - Um Pacto pela Vida“ é uma parceria entre o Ministério das Cidades (MinCidades), o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), os Detrans (Departamentos de Transito) e o Ministério da Saúde que envolve a Federação Internacional de Automobilismo (FIA); do Instituto Emerson Fittipaldi;  Prefeituras, Governos de todos os Estados brasileiros; Órgãos e entidades de trânsito federais, estaduais e municipais; organizações não governamentais e do setor privado e precisa contar com a colaboração da população brasileira para alcançar o objetivo.

sexta-feira, 21 de setembro de 2012

Se a gente escolher mal, vamos ter leis ruins, alerta Gilson Brarreto


Por: Riselda Morais
Vereador Gilson Barreto durante entrevista concedida a Riselda Morais
 para  o Jornal do Momento News e Jornal Polo Paulistano

A capital paulista, tem nas eleições 2012, 1.168 candidatos a vereador, mas elegerá apenas 55 deles. Escolher o candidato certo entre tantas opções não é tarefa fácil, mas se soubermos o que faz um vereador, já é um bom começo para votar consciente.
Durante uma visita ao bairro de Vila Matilde, na segunda-feira (10/09), o Vereador Gilson Barreto  lembrou aos eleitores qual é a principal  função de um vereador e da importância de bem escolher o candidato, afinal, as ações dele vão interferir na vida de todos os munícipes.
“A democracia está alicerçada nos três tribunais: executivo, legislativo e judiciário. Quem cria e aprova leis são os vereadores, deputados estaduais e deputados federais. Para dar uma sentença o juiz se baseia na lei.  Para executar obras, administrar a cidade, o prefeito também se baseia nas leis criadas pelos vereadores”, esclareceu Gilson. 
Para quem costuma anular o voto ou votar em branco, Gilson   enfatiza: “É importante eleger o Prefeito e os vereadores, se você não eleger ninguém, a democracia desaparece“. 
Gilson lembrou que para termos leis boas precisamos votar bem:  “Esse é o pivô do tripé. Não é apenas votar, se a gente escolher mal, nós vamos ter leis ruins, afirma.
Segundo  o vereador , a Zona Leste é a principal área  da cidade para o crescimento e desenvolvimento nos próximos anos, mas as subprefeituras estão trabalhando como zeladoria, fazendo apenas manutenção, para mudar esta realidade, os investimentos de obras e projetos  de pequeno porte, que hoje vão para a Secretaria de Infraestrutura, precisam vir direto para a subprefeitura para que ela tenha mais autonomia e executar, atender a demanda imediatamente.
Quanto a ampliação do Hospital de Vila Nhocuné, cuja ampliação consta no plano de metas da atual gestão e não foi executada, Gilson afirma que se empenhará para que no plano de metas da próxima gestão, conste a verba para a execução da obra e que ela seja realizada. 

quinta-feira, 20 de setembro de 2012

Baião de Dois: A união mais que perfeita do arroz e feijão


Por: Riselda Morais



    A dupla arroz e feijão é a base da alimentação de 70% dos brasileiros que consomem em média 31,6 kg de arroz e  16,5 kg de feijão por pessoa ao ano, com um consumo populacional  médio de 3,5 milhões de toneladas de feijão, já o arroz tem consumo de 8,7 milhões de toneladas de arroz por ano, segundo dados do IBGE. 
A parceria mais famosa da culinária brasileira tem uma combinação completa   e saudável na receita  típica nordestina do Baião de Dois, pois os nutrientes que incluem fibras, cálcio e proteínas, saciam a fome por mais tempo e aceleram o metabolismo no gasto de calorias, logo,  se consumido em pequenas porções, além de ser muito nutritivo ainda contribui para a manutenção do peso. 
O que torna o prato ainda mais importante na alimentação, é que o feijão de corda ou fradinho, preferido dos nordestinos, tem uma proteína chamada vicilina  que é capaz de reverter a disposição de gordura no fígado e baixar o colesterol 
O arroz e o feijão de corda ou feijão fradinho se completam em nível protéico. 
O arroz é um cereal rico em lisina (aminoácido deficiente no feijão), carboidratos, vitaminas, minerais e o feijão em  metionina (aminoácido deficiente no arroz), proteínas (uma que baixa o colesterol), ferro, cálcio, vitaminas (principalmente do complexo B), carboidratos e fibras, juntos garantem a  absorção pelo organismo de 80% das proteínas. 
O terceiro ingrediente do Baião de Dois, o queijo coalho é um dos complementos alimentares mais ricos, aromáticos, saborosos e socializantes, nos fornece proteínas, vitamina A e  do complexo B (tianina e riboflavina), cálcio e fósforo, acompanhado da proteína da carne de sol  e da mandioca que é uma excelente fonte de energia, vitaminas e sais minerais, como cálcio, ferro, fósforo e vitaminas B e C e carboidratos temos uma refeição completa, saudável e que auxilia no transito intestinal.
O nome desta saborosa comida nordestina “Baião de Dois”, designa da dança que   ganhou popularidade com  a música de Luis Gonzaga, nosso saudoso e centenário “Rei do Baião“, e os ingredientes podem ser encontrados em Supermercados e Casas do Norte em todo o País. 

Receita do Baião de Dois


Ingredientes:

200 g de bacon picado
100 g de lingüiça tipo calabresa picada
100 g de lingüiça tipo paio picada
250 g de carne-seca 
12 xícaras (chá) de água
1 kg de feijão-de-corda ou fradinho, verde 
300 g de arroz agulhinha
3 colheres (sopa) de manteiga de garrafa 
2 dentes de alho amassados
1 cebola média picada
1 pimentão vermelho picado
250 gr de queijo coalho
2 tomates sem pele
sal, coentro e cebolinha a gosto

Modo de Preparo:


 Corte a carne-seca em cubos bem pequenos e deixe de molho de um dia para o outro na geladeira, trocando a água várias vezes para tirar o excesso de sal. No dia seguinte, escorra a carne-seca e coloque em uma panela com 6 xícaras (chá) de água e cozinhe por cerca de 40 minutos ou até ficar quase macia. Retire do fogo, escorra e reserve.
Em uma panela, coloque 1 colher (sopa) de manteiga e frite o bacon, a calabresa e o paio por cerca de 10 minutos ou até dourar.
Acrescente a carne-seca, o feijão-de-corda e o restante da água e misture bem. Tampe a panela e cozinhe, mexendo de vez em quando, até o feijão-de-corda começar a ficar macio. Retire do fogo e reserve.
Em outra panela, leve ao fogo o restante da manteiga e refogue a cebola  e  o alho  por cerca de 5 minutos ou até a cebola ficar macia.
Acrescente o arroz e refogue, mexendo de vez em quando, por 5 minutos ou até os grãos ficarem brilhantes e um pouco transparentes. Retire do fogo e coloque o arroz na panela com o feijão-de-corda e volte ao fogo, caso seja necessário, adicione mais água quente. Tempere com o sal, misture e cozinhe por mais 25 minutos ou até o arroz ficar macio. Acrescente o pimentão, os tomates, o  coentro, a  cebolinha  e  o  queijo coalho em cubos, misture bem e retire do fogo. 
Sirva acompanhado de bifes de carne seca grelhado na manteiga de garrafa,  queijo coalho grelhado na manteiga de garrafa (aqueça a manteiga, frite o queijo até dourar)) e mandioca cozida a gosto, quem preferir pode fritar a mandioca depois de cozida.

quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Haddad buscará apoio de todos os partidos da base da presidente Dilma Rousseff




Na segunda-feira, (17/09), Fernando Haddad (PT) comentou sobre o incêndio na Favela do Moinho : “A falta de chuva, o momento de baixa produção de moradia em São Paulo e a falta de preparo de brigadas dentro das favelas propicia isso. Tem que criar brigadas dentro das favelas, treinadas e equipadas, que não dependam da chegada de socorro para contornar ou pelo menos apaziguar situações como essa”, enfatizou.
  Em seu primeiro dia de campanha no horário eleitoral gratuito, Haddad defendeu que: ““Para vencer os problemas de São Paulo, um prefeito não pode ter ideias tímidas, tem que ter pé no chão, um olhar voltado para os pobres e a classe média, mas também propor coisas novas e ousadas”, afirma.
Haddad que já tem o apoio do ex-presidente Lula e da presidente Dilma Rousseff, afirma que em um eventual segundo turno, buscará o apoio de todos os partidos da base da presidente Dilma Rousseff. Entre eles está o PR, que acaba de ganhar uma vaga do Senado devido à indicação de Marta Suplicy para o Ministério da Cultura. Antônio Carlos Rodrigues, que é vereador em São Paulo, era o suplente da senadora.

Gabriel Chalita pretende implantar o Expresso Zona Leste



Gabriel  Chalita (PMDB) esteve no domingo, dia 16/09, no 10º Okinawa Festival na Vila Carrão e defendeu o incentivo a eventos que atraiam turistas a São Paulo. De acordo com o candidato, grande parte da economia paulistana é movimentada por serviços ligados a acontecimentos culturais. “Precisamos nos preocupar com as novas fontes de geração de emprego”, disse ele. 

Também no domingo, as 12hs, o candidato a prefeito de São Paulo Gabriel Chalita (PMDB) saiu do Metrô Artur Alvim em carreata pelas ruas do bairro, na Zona Leste da cidade.
O mais importante projeto  de Chalita para São Paulo é o Expresso Zona Leste que visa cortar o tempo de viagem e desafogar o Metrô, seriam ônibus com sistema inteligente interligado aos semáforos que tem baixo custo e baixo custo e implantação rápida, vai ligar Itaquera à Sé em 30 minutos; serão 25 linhas.

José Serra se confraterniza com eleitores de São Mateus



José Serra (PSDB) e os membros da coligação Avança São Paulo estiveram, no sábado (15/09), a partir das 19 hs no bairro de São Mateus, Zona Leste de São Paulo em confraternização com os eleitores e apresentando propostas para a região, sendo a de maior destaque, a do metrô: “Quem trabalha na Vila Mariana vai conseguir chegar em 20 ou 30 minutos em casa e assim vai ter mais tempo para ficar com a família, ir à igreja, descansar e rever os amigos. Isso vale ouro”, enfatizou Serra.
Em seu discurso, Serra prometeu concluir o Parque Linear de São Mateus, arrumar o Córrego dos Machados e criar cinco reservatórios para o Aricanduva. e encerrou com a afirmação: “Não posso levar comigo a acolhida carinhosa que tive hoje. Mas levo dentro do meu coração”

“Quero continuar uma campanha limpa e justa”, diz Russomanno em nota oficial, sobre pesquisa Ibope




Após tomar conhecimento dos números da pesquisa Ibope de intenções de voto, na qual se consolida na liderança com 35% das intenções de voto, o candidato Celso Russomanno (PRB) enviou enviou uma nota oficial ao Jornal do Momento News, na qual enfatiza:
“Recebo mais uma vez o resultado da nova pesquisa Ibope com alegria e humildade. Quero continuar a campanha de forma limpa e justa, ouvindo a população e não realizando ataques pessoais, como  os que estão acontecendo, tentando denegrir a minha imagem. Quero uma campanha de respeito ao cidadão da cidade de São Paulo, é assim que quero continuar o meu trabalho”, afirma Russomanno.
Na primeira pesquisa divulgada em 23/08, a Pesquisa Ibope mostrou Celso Russomano (PRB)  com 25%, empatado tecnicamente com José Serra (PSDB), que tinha 26% das intenções de voto no primeiro turno, desde então Russomano assumiu a liderança na disputa.
“Quero dizer muito, mais muito obrigado mesmo à população dessa cidade maravilhosa que é São Paulo que está me acolhendo com tanto carinho nas ruas e apoiando a minha candidatura para Prefeito. Não me canso de dizer obrigado às minhas madrinhas e padrinhos políticos e quero dizer que continuo recebendo esses resultados com muita humildade e determinação para fazer de São Paulo uma cidade melhor para todos”, afirma Russomanno.

Disputa pela Prefeitura de São Paulo: Russomano lidera com 35%, estão em empate técnico José Serra 19% e Fernando Haddad 15%

Por: Riselda Morais


A disputa pela Prefeitura de São Paulo promete ficar cada vez mais acirrada nas últimas semanas de campanha, enquanto Celso Russomano se distancia cada vez mais do segundo e terceiro colocado nas intenções de voto, José Serra e Haddad brigam para disputar o segundo turno.
Na 4ª pesquisa Ibope, realizada entre os dias 10 e 12 de setembro, divulgada na quinta-feira, (13/09) e registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-SP), sob o número SP-00835/ 2012, com margem de  erro é de 3 pontos para mais ou para menos, o candidato Celso Russomano subiu quatro pontos percentuais em relação a pesquisa anterior, subiu de 31% para 35%, enquanto José Serra caiu um ponto percentual, de 20% para 19% e Fernando Haddad caiu de 16% para 15%, mantendo o empate técnico entre o petista e o tucano, Veja os números da pesquisa para todos os candidatos:
José Serra (PSDB) – 19%
Fernando Haddad (PT) – 15%
Gabriel Chalita (PMDB) – 6%
Soninha (PPS) – 4%
Paulinho da Força (PDT) – 1%
Carlos Giannazi (PSOL) – 1%
Ana Luiza (PSTU) – não pontuou
Anaí Caproni (PCO) – não pontuou
Miguel (PPL) – não pontuou
Levy Fidelix (PRTB) – não foi citado
Eymael (PSDC) – não foi citado
Em branco ou nulo – 13%
Não sabe – 6%
Em relação à pesquisa anterior, a rejeição de José Serra passou de 34% para 38%; Fernando Haddad, de 13% para 17%; Soninha, de 13% para 15%; Russomanno, de 8% para 12%; e Chalita passou de 8% para 9%.
Confira os índices de rejeição de todos os candidatos à Prefeitura de São Paulo:
José Serra (PSDB) - 38%
Fernando Haddad (PT) - 17%
Soninha Francine (PPS) - 15%
Levy Fidelix (PRTB) - 15%
José Maria Eymael (PSDC) - 15%
Paulinho da Força (PDT) - 14%
Celso Russomanno (PRB) - 12%
Anaí Caproni (PCO) - 10%
Gabriel Chalita (PMDB) - 9%
Minguel Manso Perez (PPL) - 9%
Ana Luiza (PSTU) - 9%
Carlos Giannazi (PSOL) - 8%.
Na simulação de um segundo turno com os três primeiros colocados Russomanno venceria se disputasse contra Serra ou Haddad, e Haddad venceria Serra. Os resultados dos três cenários foram:
- Russomanno 52% x 25% Serra
- Russomanno 50% x 25% Haddad
- Haddad 37% x 33% Serra